sábado, 21 de janeiro de 2017

A lei do SENHOR é perfeita.

“E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,
Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.” (Gn 2.16 e 17)

No segundo capítulo do livro da criação, temos a ordem divina a Adão de não comer da árvore do conhecimento do bem e do mal.

Em nenhum local bíblico cita a sua localização, a não ser a árvore da vida que certamente estava no centro do Jardim do Éden.

Após a insinuação da serpente, Eva responde que do fruto da árvore que estava no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais.

Alguns erros notórios aqui: Deus não disse que não podia tocar no fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. Ela também não estava no centro do jardim.

Precisamos ter precisão nas coisas divinas para não acrescentarmos nem tirarmos nada...

“E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro.” (Ap 22.19)


       Pois é...

Nenhum comentário:

Postar um comentário