sábado, 3 de setembro de 2011

“Não olheis para eu ser morena...”


No primeiro capítulo e sexto versículo do livro de Cantares de Salomão está inserido este tema. Então eis que surge a primeira interrogação: ela é morena? Mas, por quê? Algumas pessoas poderiam até dizer: loira não seria melhor? Não. Ela é morena mesmo!

Deus estaria escolhendo uma cor em detrimento das outras ou teria um significado espiritual? Uma das explicações do ser morena, talvez seja alguma discriminação social ou racial, segundo alguns teólogos. Nenhuma novidade, isso sempre existiu.

Será que as mulheres da alta classe por não precisarem estar expostas ao sol ficavam mais claras? Discriminação em relação à cor, não considerada bela? Pode ser.

Só que o significado de ser morena não poderia também estar vinculado à luta, perseguição, provação? Características espirituais dela? Se assim for, teriam algumas “igrejas” branquinhas por aí? Sem experiência com Deus, inertes, sem desenvolvimento, não incomodam o inimigo e nem suportam serem provadas, pois são muito fracas? O sol da justiça não tem resplandecido sobre elas? Oremos, pois, para que haja despertamento, crescimento espiritual delas!

Continuando ainda neste texto de Cantares, temos que a Sulamita, símbolo da igreja, é agradável. O apóstolo Tiago falou que a verdadeira sabedoria é primeiramente tratável.  Seria isso? Temos sido tratáveis com nosso próximo? Estamos agindo com sabedoria com nossos familiares e amigos? Irmãos? Precisamos ser agradáveis, tratáveis...

Outra característica da Sulamita é que ela “guardava vinhas”.  Então precisamos estar trabalhando na sua obra? Envolvidos com a tarefa que ele nos tem designado? Temos agido assim? Aqui talvez não queira dizer o trabalho na igreja local apenas, se bem que lá é já um bom trabalho! Não quer dizer estar disponível para testificarmos Dele, e até mesmo com o nosso exemplo?

Pois é...


2 comentários:

  1. Amei seu artigo,e o o título do seu Blog é tudo que eu penso. Estou te seguindo, seu Blog é ótimo e tem conteúdo. Paz querido!

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Rô pelo comentário.

    Que Ele continue te abençoando!

    ResponderExcluir